fechar
voltar Voltar
voltar Voltar

5 motivos por que seu e-commerce não vende e como resolver

  • timer 17/05/2022
  • 3 min de leitura

Apesar do crescimento exponencial das lojas virtuais, especialmente nos últimos dois anos – com a criação de mais de 1 e-commerce por minuto -, a verdade é que apenas 30% dos e-commerces sobrevivem ao segundo ano de operações. Mas por que um e-commerce não vende

Leia mais: 
>> Como atrair clientes para o e-commerce com o marketing boca a boca 
>> Use a programação mensal de e-mail marketing para aumentar as vendas 

Encontrar essa resposta exige uma análise completa da gestão do negócio para conhecer quais ações estão dando certo e o que precisa mudar a rota. Pensando em ajudar o lojista nesta tarefa, reunimos, abaixo, os principais motivos que fazem um e-commerce não vender e quais são as possíveis soluções para esses problemas. Continue com a gente! 

1. Competir com os gigantes

As grandes marcas que têm e-commerce e, muitas vezes, também contam com o faturamento de lojas físicas já consolidadas não devem ser parâmetro para pequenos e médios e-commerces. Não que elas não possam ser uma inspiração, mas não podem ser objeto de comparação. 

Isso porque elas têm estrutura para oferecer, por exemplo, promoções constantes, frete grátis em (quase) todas as vendas, entre outras vantagens. E isso pode se tornar um grande prejuízo para as lojas online que não contam com orçamento para oferecer todas essas possibilidades. 

Como resolver: para pequenos e médios e-commerces, o mais indicado é focar em nichos nos quais você possa se especializar, oferecendo produtos de qualidade, conteúdos relevantes, tudo para construir relacionamento com o seu público-alvo. É possível, sim, oferecer frete grátis e promoções para conquistar e fidelizar os clientes, desde que isso não comprometa os seus resultados no final do mês.

2. Apresentar páginas incompletas

Uma pesquisa da Lett aponta que 35,2% dos consumidores que realizam compras no varejo físico buscam por informações do produto na internet. Enquanto 36% preferem comprar em lojas online, quando as condições de compra são iguais ou melhores do que nas lojas físicas. 

Portanto, é possível, sim, conquistar clientes a partir das ofertas que você mostra no seu site. Mas, para isso, é fundamental apresentar um conteúdo completo. Não é difícil encontrar páginas de produtos com poucas informações, títulos que não dizem nada, fotos desfocadas, entre outros problemas. 

Como resolver: capriche nas suas páginas dos produtos. Os títulos e as descrições precisam ser completos, as fotos devem ser definidas, claras e diversas. Você também pode lançar mão de outras mídias, como vídeos tutoriais sobre como usar o produto. Com isso, você aumenta bastante as chances de que a decisão de compra do consumidor seja a seu favor. 

3. Oferecer baixa navegabilidade 

Páginas poluídas, campos de busca que não funcionam, botões que levam para páginas com erro. Essas são apenas algumas características do porquê um e-commerce não vende, já esses problemas atrapalham, e muito, a navegabilidade do usuário. 

Como resolver: o primeiro passo é identificar se existe um problema de navegabilidade no seu site. Peça a conhecidos e clientes para navegarem pela sua loja virtual e entenda com eles o que precisa ser resolvido. A partir daí, trabalhe para sempre facilitar a navegação, por exemplo, inserindo categorias de produtos no menu principal, relacionando produtos semelhantes dentro da mesma página e facilitando ao máximo o check-out.

4. Investir em plataforma sem recursos 

E por falar em navegabilidade, outro erro que pode gerar a reclamação de que “meu e-commerce não vende” é o uso de uma plataforma que não tenha os recursos necessários para facilitar a compra. Uma plataforma que não permite que o lojista personalize o layout da loja, que seja muito lenta ao preencher o carrinho ou que não ofereça segurança na hora do pagamento não merece a sua confiança e o seu investimento. 

Como resolver: na hora de escolher uma plataforma para a sua loja online, atente-se para necessidades específicas do seu nicho, como a disponibilidade de diferentes formas de pagamento, a integração da sua loja com marketplaces e a possibilidade de aplicar estratégias de SEO nas suas páginas. 

5. Não apostar em marketing digital 

Por último, mas não menos importante: para ter sucesso no ambiente online, é indispensável investir em marketing digital. E não é apenas de estratégias de SEO que estamos falando. O e-commerce não vende quando não consegue se destacar em meio à concorrência, quando trata todos os clientes do mesmo jeito e sem personalizar a comunicação, quando não consegue atender os clientes pelos canais que eles preferirem. 

Como resolver: Para mudar esse cenário, comece a trabalhar em ações que gerem tráfego para o seu site e ajudem a aumentar as suas vendas. Isso pode ser feito a partir de uma comunicação personalizada por e-mail marketing, investimento em anúncios como Google Ads e Facebook Ads e oferta de conteúdos úteis e ricos, como e-books, vídeos tutoriais, podcasts etc. 

>> Quer saber como a Mailbiz pode ajudar o seu negócio a aumentar as vendas? Confira os nossos cases de sucesso 

Quer melhorar os seus resultados apostando nas estratégias certas? Entre em contato com os nossos especialistas e saiba como podemos ajudar a alavancar as suas vendas com o e-mail marketing. Afinal, o seu sucesso é o que nos move.

Compartilhe esse artigo
  • facebook
  • linkedin
  • twitter

Veja também

Anterior
Próximo
icone newsletter

Milhares já recebem nossa news. Vai ficar de fora?

Cadastre-se e receba os melhores conteúdos sobre e-mail marketing e e-commerce.